Thursday, March 28, 2013

1 down - 9 to go?

Faz por esta altura um ano que andava a passear no IKEA a comprar as mobílias para montar numa casa vazia e tentar fazer desta um lar, para servir de Headquarters para uma nova etapa da minha existência. 
Sobrevivi ao meu primeiro inverno Finlandês (com muita rabugice pelo meio, mas aqui estou inteiriça), já tenho alguns amigos, alguma vida social, já sei tocar mais um instrumento, arranhar mais outra língua, aprendi imensas coisas no meu trabalho e tudo vai correndo bem (não é para agoirar, ok?). 
Contudo, estaria muito melhor se esse meu trabalho estivesse num país mais ali no meio da Europa e que a sensação "fim do mundo" não se fizesse sentir tanto. 
Podemos sempre sonhar. Podemos sonhar que a Finlândia saia da área económica europeia e transladem a agência para... sei lá... Itália? Alemanha? França? Pode ser um qualquer! Bora lá!

Sunday, March 17, 2013

Fui ali, já vim nr 3

Infelizmente não vou conseguir ir de férias-férias até Julho, pelo que uma pessoa vai aproveitando uns fim-de-semanazinhos para ir apanhar ar e sair daqui um bocadinho.
Com um sorriso nos lábios, no sítio mais feliz da Finlândia (o aeroporto de Helsínquia), apanhámos o voo directo para Londres. 
Não só para ver as vistas e levar uma injecção de civilização. Foi com um propósito, que já estava marcado desde Setembro do ano passado e finalmente chegou: ver, live, em Picadilly Circus, O "Book of Mormon", o musical. 


Estava lá e vi! 3 horas de gozo sobre a religião, com músicas muitos bem conseguidas e que me fez rir durante toda a duração do espectáculo! Há muito muito tempo que não via assim nada que me enchesse as medidas tão completamente. 
Os actores extraordinários, óptimas vozes, muito bem ensaiadinhos, perfeitos, as letras das músicas, o tom gozão da peça do princípio ao fim... *sigh* Tudo bom! 

O facto de ter de ir a Londres para o ver foi um bónus. Londres é... Londres, onde tudo se passa. Não há como negá-lo. 
E fica só a 2 horas de avião.
Se o maomé não vai à montanha, vai a montanha a maomé. Quem diz Londres, diz outro sítio qualquer. Pois nas tours de qualquer coisa, é muito raro virem até cá acima. 
Já analisaram a palavra Fin-lândia?? É mesmo o fim do mundo... é o que vos digo...

Tuesday, March 5, 2013

Ah, não sou só eu...

Finnish problems