Tuesday, July 5, 2011

Na Veneza do Norte

Dia do início de férias, esperava-se que sexta-feira, dia 1 de Julho, haveria filas de Km e Km. Mas não. Lá fomos todos os 4 enfiados numa casca de noz com destino a Bruges, na Bélgica, sendo por isso um fim-de-semana internacional! Ena ena! :P
Chegámos 5 minutos antes de fechar a recepção do hostel, fomos conhecer o quartinho fedorento que nos esperava e como ainda é muito de dia ás 10 da noite nesta terra, decidimos ir bater um bocadinho de chinelo para tirar umas medidas à terreola que nos recebeu. Já tudo um bocado deserto, só os fast foods e os cafés da praça principal estavam abertos, mas em breve tudo fechou. Ainda tivemos o prazer de conhecer um casal holandês, que meteu conversa connosco pois estavam curiosíssimos para saberem que raio de língua é que estávamos para ali a palrar. Já tinham ido a Lisboa e gostaram muito do Chiado e da estátua do Fernando Pessoa na esplanada da Brasileira :P (nota da autora: é muito frequente as pessoas perguntarem-nos que  língua é a nossa... deve soar tão giro a eles como o grrrrggrxxxrrrr de catarro deles nos soa a nós!).
Lá dormimos nos nossos colchões plastificados, com direito a uma casa de banho só para nós e tudo! Vivó luxo! Tomou-se o pequeno almoço (nada de banquete - snif - e eu que gosto tanto de enfardar nos pequenos almoços) e lá fomos desbundar a cidade! Aqui estão umas vistas:

Basílica do Santo sangue (ou lá como se traduz)
Por trás desta peça de prata, está um coágulo do
sangue do JC. Pois claro que está!
muita carruagem turística...
como vêem, a cidade é pequena. 
Na cervejaria da terra. Diz quem gosta que é boa... 
A mesma cervejaria:  ainda está em funcionamento e
 tem uma tour interessante. 


Veneza não era Veneza sem um passeio de barco, né?







A torre do filme em que o tipo se escarrapacha.
depois de 366 degraus....isto!
e isto!
e isto!
yey!
já cá em baixo. We survived! :P
Bruges é bonita, sim senhora. Está arranjadinha para o turista, vê-se tudo muito bem a pé pois o centro histórico é concentradinho (fora disso não tem lá muito interesse). Ainda fomos a uns quantos museus e posso dizer que não fiquei lá muito impressionada. Um bocado fracote, pouca informação, nada estimulante... E olhem que eu sou gaja de museus! 
Para quem conhece algumas terras Holandesas, Bruges não é grande novidade. Água, canais, casinhas bem arranjadas de tijolinho... um pacotinho muito agradável à vista, há que admitir!
Quanto à gastronomia, o chocolate é rei naquela terra: gouffres com chocolate preto, chocolaterias a perder de vista, tudo feito a sério como nos filmes (Chocolate) que despertam todos os sentidos... hhmmmm :D Já comi moules, pelo que experimentámos outras iguarias locais que, como esperado, não foi nenhuma explosão de sabores, fazendo lembrar a cozinha dos vizinhos holandeses. 

Moral da história: vale a pena a visita (um fim-se-semana é suficiente) mas se querem "Veneza" venham mas é cá (ou a Veneza propriamente dita). 

No comments: