Thursday, April 8, 2010

Een momentje, alstublieft

Passou algum tempinho desde que escrevi aqui pela última vez, pelo que tiveram de esperar um bocadinho pelas novidades!! 
Pois é, comecei trabalhinho novo na terça, pelas 9:00. Perguntei logo pelos turnos, porque francamente, é o que mete mais confusão no meio disto tudo. Entrar ás 6:30, sair ás 23:00, entrar ás 22:30 e sair ás 7:00... AUCH!!! E eu que sou tão controladinha pelos ritmos circadianos... Vou passar mal... :S Mas esse dia afinal ainda demora a chegar. Será daqui a uns 2-3 meses. Por agora, posso disfrutar da minha bicicleta nova nos fins-de-semana! :D
Empresa internacional, laboratório enorme, cerca de 50 analista por turno, muitas análises, muitos equipamentos, muita coisa para aprender! É o que se queria! O ambiente no laboratório é muito descontraído, muita malta nova, estagiários, musiquinha sempre a tocar, tudo muito bem disposto. Tudo malta holandesa, de várias origens mas já completamente inseridos, falam para mim em inglês mas de resto... holandês. Bem, quando começar as aulas, estar num ambiente destes vai ser óptimo! Até lá, sinto-me só francamente ESTÚPIDA!!! Sim sim, eu sei, que é agora, no início... mas mesmo assim... é horrendo! 
Estou neste momento a observar e a aprender as técnicas e métodos para as análises dos "fuel oils" (gasolina e outros derivados do pitróile). Ando a servir de sombra aos analistas, com o meu caderninho, vendo e perguntando. Já me puseram a lavar frasquinhos e a fazer uns recipientes para a espectroscopia de Raios-X. :P Pretty lame, Millhouse!! Mas foi para ajudar, porque tem havido  barraca com os turnos da noite e de manhã aquilo está um caos e sempre é esse tempo "morto" que liberto para os verdadeiros analistas!! eheheh.
Adorei o facto de não terem "pica-ponto". Eles confiam nos empregados! Não é bonito?! Eu fiquei muito comovida! É mesmo outra maneira de se trabalhar: um trabalhador feliz é um bom trabalhador. Não digo que não haverá alguns que tirem proveito disso, mas desde que se organizem uns com os outros e o trabalho apareça feito... who cares? Gostei deste pormenor. Também gostei do facto de haver uma data de intervalos, de 15 e 30 min, mas é o suficiente para uma pessoa relaxar um bocadinho, beber um café e tal, e voltar para o trabalho com um fôlego extra. Não vai toda a gente de uma vez, mas por volta dos horários dos brakes, lá vamos para a  sala comum para descontrair! :D Me likey!
Tenho tido como aliada uma menina, de 21 anos, turca, muçulmana, que também entrou na terça. Têm-me ajudado nas traduções e fazemos companhia uma à outra durante os brakes. Apanha os mesmos transportes que eu, pelo que até no caminho tenho companhia, o que não é nada mau! 
Demoro cerca de 30-40 min desde casa até lá, metro+bus, e têm estado uns dias magníficos! Sol, calorzinho... aaahhh... quase que sabe bem ir trabalhar... :P 

What does thiiiis button dooooo?

Tot ziens!

No comments: